quinta-feira, janeiro 14, 2010

QUEM MEXEU NO MEU BOLO? (by Rê Michelotti)

Google Imagens


Outro dia decidi fazer um bolo. Peguei uma receita, comprei os ingredientes, misturei, coloquei na forma, assei e o decorei. Deixei sobre a mesa. Lindo, cheiroso e cheio de sabor... No entanto, o mérito desta arte ficou para uma determinada pessoa que mesmo não participando em nenhuma das estapas de elaboração da receita, se achou no direito de acrescentar uma cereja a este bolo. Num cantinho quase escondido a cereja deu a ela todos os créditos pela delícia do bolo que EU fiz!


Pessoas assim estão a nossa volta o tempo todo. Só ainda não sei o que é pior: queM põe uma cereja em um bolo que não lhe pertence... Ou quem aplaude quem faz isso sem o menor senso crítico... Mais ainda, acha que a cereja foi a parte mais importante do bolo... Se observarmos bem, a cereja não estava na receita, nem combina!
Vamos refletir sobre...

2 comentários:

  1. Quem aplaude sem menor senso critíco é pior, sempre...acho que o lance todo está na pessoa que mexeu no seu bolo, na sua receita...e se a cereja tivesse sido colocada por alguém que você ama, que faz sentido em sua vida, não seria diferente? A irritação, suponho eu, venho, pois a pessoa é que não deve lhe agradar muito e o fato dela ter invadido o seu bolo e ainda levado os créditos...fiquei pensando...

    ResponderExcluir
  2. Oi Isa minha linda...
    Com certeza quem aplaude sem nenhum senso crítico acaba irritando mais. No entanto, sobre sua reflexão, eu diria que aquele que me ama, pode sim colaborar, contribuir para com minha receita, porém, aquele ou aqueles que me amam, jamais desejarão ficar com os créditos de minhas receitas, vista neste texto - como minhas idéias. Assim, alguém que mexe no nosso bolo querendo apenas roubar alguns créditos, não deve de fato nos amar... ou na pior das hipóteses...esse alguém meteu os pés pelas mãos, se precipitou...enfim, pisou na bola se a idéia era só ajudar!!!

    ResponderExcluir

Sinta-se a vontade para deixar seu comentário, sua participação é sempre muito bem vinda ;)