segunda-feira, outubro 18, 2010

VOCAÇÃO: PROFESSOR (by Rê Michelotti)

Imagem produzida no mywebface a partir de uma foto minha.

Hoje logo cedo, me deparei com um recado deixado no orkut pela Isa, me parabenizando pelo dia 15 de outubro, ou melhor, nos parabenizando! O recado dizia: "Parabéns pelo nosso dia!" Por um momento tive que pensar que dia era esse... Meu Deus, a que ponto chegamos! Eu, uma professora de alma e coração tendo que pensar sobre que data comemorativa era 15 de outrubro.
Certamente a mídia de massa me atingiu esse ano e acabei me apegando mesmo sem querer a data mais importante deste mês: o dia da criança - uma data mais que comercial, diga-se de passagem. Afinal de contas, para que mais serve o dia da criança se não para o comércio motivar as pessoas a comprar mais e mais?!

Adoro crianças, e essa razão me basta para achá-las especiais sempre, independente da data. É nosso dever cuidar, dar carinho, atenção e tudo que elas precisarem... Isso obviamente inclui também um brinquedo ou outro. Faz parte do desenvolvimento da criança o brincar, criar e fantasiar com seus brinquedos... Pena é ter que haver uma data específica para que lembrem disso. Será que alguém daria brinquedos se não houvesse o dia da criança?! Não vamos generalizar, alguns dariam sim, mas nem todos...Uma pena!

Enfim, fixei-me no dia da criança e esqueci meu dia, nosso dia caros colegas de vocação... Isso faz com me sinta uma traidora de mim mesma. Mas aí fico aqui tentando achar algo que ao menos tente justificar essa falha, em especial comigo mesma e me pego fazendo um "remember" dos dias anteriores, onde em momento algum ouvi falar sobre o dia dos professores. Pasmem, não foi só a mídia que não focou seus holofotes nesse dia, muitas escolas também não! Pense o quanto nós professores estamos em alta nas instituições Brasil a fora.

Acabo por ter uma tristeza momentânea com o descaso por uma profissão que considero tão valiosa; por uma profissão que está diretamente ligada a formação de tantos outros profissionais, e tudo que consigo observar dessa última data de teórica comemoração, é o esquecimento.

Não se pode viver apenas de elogios a nossa grande dedicação e entrega como professores - e de fato não se vive. Mas ouvir ou relembrar uma vez ou outra que nosso trabalho é importante para futuro de nossos jovens, para as instituições de educação a que fazemos parte, teria sido no mínimo um breve incentivo a continuar na luta... Mas enfim, sonhar não custa nada mesmo!
O professor que deveria ser um intermediador do conhecimento, hoje em dia pode correr o risco de não passar de um intermediador de "negócios educacionais''. Onde na verdade me vem um pensamento um tanto grosseiro, mas infelizmente bem real, que fala mais ou menos assim: ''hoje em dia a escola está interessada em vender diplomas, o aluno em comprar, e o professor é apenas aquele que atrapalha a negociação". Que país é esse?! Tem mesmo que se rir para não chorar! (Será?!)

Acabei por voltar ao início do texto e reler o que tinha escrito até aqui... melhor parar logo, antes que eu fale além do que devo neste momento. E outra, chega de reclamar né?! Já desabafei através dessas breves linhas, já renovei meu ar. Estou pronta para outra!

Ser professor não é profissão apenas, mais que isso, é vocação. Para continuar na busca pelo que acreditamos e nos faz realmente felizes e realizados profissionalmente, apesar de, ainda que... Mesmo assim, em um país como o nosso, que pouco se importa com a educação, a motivação para seguir nosso destino tem que partir de nós mesmos. Somos nós que devemos criar interesses próprios, curiosidades particulares, motivações que nos impulsionem... Como já citou Paulo Freire "Sem a curiosidade que me move, que me inquieta, que me insere na busca, não aprendo nem ensino".
Deixo aqui registrado os meus sinceros ''parabéns'' e profunda admiração por todos aqueles que vivem sua vocação de ser professor e são verdadeiramente felizes com esta escolha, apesar de... Apesar de tudo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta-se a vontade para deixar seu comentário, sua participação é sempre muito bem vinda ;)